Fundesp comemora o sucesso dos 29º JEM

Encerrados no último sábado os 29º Jogos Estudantis Municipais (JEM) foram um imenso sucesso na avaliação do presidente da Fundação Municipal de Esportes (Fundesp), Leopoldo Cunha Neto. “Durante duas semanas a comunidade ponta-grossense confirmou a condição dos JEM de maior evento esportivo municipal estudantil do Paraná. Mais um sucesso que vem se repetindo há vinte e nove anos e só valoriza a juventude princesina”, afirma o dirigente, que Assegura a realização de um evento ainda maior em 2014, na histórica trigésima edição.
Nesse ano os JEM reuniram 8.664 atletas de 117 escolas ponta-grossenses em dezoito modalidades esportivas e a maratona intelectual. “Até aqui só ouvimos elogios, tanto no aspecto da organização como nos troféus e medalhas confeccionados especialmente para a competição; mas queremos melhorar ainda mais, tanto que um congresso técnico com as escolas participantes está sendo preparado para que possamos ter uma avaliação precisa das dificuldades de cada instituição, até porque constatamos o elevado nível técnico de atletas e equipes, fruto do empenho dos participantes”, atesta Leopoldo.
Outro ponto destacado pelo dirigente foi a participação das famílias dos atletas e dos torcedores das escolas. “Independente de ser da rede pública ou particular, sentimos a presença dos familiares em cada evento realizado, inclusive nas finais, com os pais entregando as medalhas aos competidores; isso precisa ser preservado”, completa Leopoldo, que já assegurou a realização dos Parajem em 2014, promovendo a inclusão social dos deficientes físicos.
Modalidade com maior participação nos 29º JEM, o futsal encerrou as disputas na manhã de sábado (1º) no Ginásio Zukão, com o Colégio Marista Pio XII assegurando o título do grupo 3 masculino, com vitória sobre o Sant’Ana, por 5×4. Na disputa pelo terceiro lugar o Sagrada Família passou pelo Santa Teresinha, por 4×1.
Responsável pela coordenação geral dos 29º JEM o diretor de esportes da Fundesp, Carlos Henrique Pedroso, acredita que o objetivo foi cumprido plenamente. “Ao contemplarmos todas as séries do ensino de primeiro e segundo graus, ao mesmo tempo em que as crianças têm um contato mais intenso com o esporte os jovens demonstram a qualidade técnica, em busca de vagas nas equipes que representam Ponta Grossa nos Jogos da Juventude do Paraná”, conclui Henrique.

 

Spread the word. Share this post!

Leave Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *