Acervo Germano Bayer

O acervo do professor paranaense Germano Bayer ficará sob a responsabilidade do Arquivo Público do Paraná. A formalização foi feita nesta sexta-feira (09/11), em evento que contou com a presença do governador em exercício, Flávio Arns. O material é constituído de documentos, filmes, fotografias e mais de 500 livros editados pelo professor, que tem relevantes trabalhos realizados em favor do ensino público do Estado.
Além do trabalho na Educação Básica, Bayer foi professor de Educação Física e Desportos do Colégio Estadual do Paraná e ajudou no processo de federalização do curso, anexado à Universidade Federal do Paraná em meados de 1970. Segundo Flávio Arns, o professor Germano Bayer é uma referência pela dedicação ao ensino paranaense. Para ele, a iniciativa de que a documentação fique aos cuidados do Arquivo Público é muito relevante. “Além de nos enriquecer, a obra vai se perpetuar”, afirmou.
Bayer fez imagens da Copa do Mundo da Suécia, em 1958, e tem cenas exclusivas de um dos gols de Pelé. O recolhimento do acervo integra as ações do Programa Intersecretarial de Proteção, Valorização, Preservação e Restauração das Escolas da Rede Pública Estadual do Paraná. São mais de 60 caixas de materiais que passarão por catalogação, higienização e disponibilização a toda a população.
Segundo a coordenadora do programa, Sandra Teresinha da Silva, a iniciativa de entrar em contato com a família do professor Germano decorreu da relevância do material para a história da educação no Paraná. “É uma fonte de estudos e pesquisas que dá continuidade à contribuição do Professor Germano à educação e esportes em nosso Estado”, afirma.
Ações dessa natureza estão sendo realizadas desde maio deste ano, quando ocorreu a formalização do grupo de trabalho que atua no programa. Nesta sexta-feira, foi encerrado o curso Introdução e Noções Práticas da Gestão de Acervos Escolares. Doze representantes das 12 escolas estaduais tombadas como patrimônio cultural para o trabalho de tratamento, higienização, classificação e conservação dos acervos escolares dessas escolas, na maioria centenárias.
 
Fonte: Agência Estadual de Notícias
 

Spread the word. Share this post!

Leave Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *