Magro, atlético, com curvas: cada tipo de corpo possui uma dieta adequada

Existem dietas mais adequadas para cada tipo de corpo, ou seja, tipo magro, mais atlético ou com uma maior concentração de gordura localizada. Veja quais as melhores opções para cada estilo.
 
CORPO TIPO MAÇÃ (GORDURA NA BARRIGA) OU CORPO TIPO PÊRA (GORDURA NOS QUADRIS):
 
A insulina quando estimulada em excesso,  é o principal hormônio responsável pela deposição de gordura nas células. No entanto, uma maior ingestão de alimentos refinados tipo: pães com farinha branca refinada e doces, aumentam a glicose. Com esse aumento da glicose, a insulina também aumenta com o objetivo de colocar todo essa glicose formada para o interior da célula, transformando o excesso em gordura. Com o aumento da ingestão de fibras, a glicose e a insulina não aumentam de forma exagerada. Como primeiro passo para se livrar dessa gordura localizada, é importante consumir mais alimentos integrais (frutas, verduras e cereais integrais) em substituição aos de farinha branca,  fazer pequenos lanches entre o almoço e jantar para garantir que essa glicose do sangue se mantenha estável. Para melhorar ainda mais, é aconselhável evitar leite e derivados, pois são alimentos de mais difícil digestão.
 
CORPO TUBO (MAGRO E SEM CURVAS):
 
Este tipo de corpo precisa de uma dieta apropriada para o ganho de músculos. Deve-se unir uma alimentação hiperproteica junto a prática de exercícios. O consumo de carboidratos adequados antes do exercício é o indicado para que se tenha fonte de energia ao longo do treino e se evite utilizar os músculos como substrato energético. Após a atividade, aumente a ingestão de alimentos ou suplementos proteicos como (carnes, frango, ovos, peixes, proteína do soro do leite etc). Ganhando massa muscular você melhora o seu metabolismo e a manutenção do seu peso.
 
CORPO ATLÉTICO:
 
A alimentação deve estar em sintonia com a atividade física. Tenha uma alimentação com um aporte adequado de alimentos antioxidantes que são essenciais para quem pratica atividade física, ou seja, frutas, verduras e cereais integrais. Este grupo de alimentos garante uma boa fonte de vitaminas, minerais e em especial os antioxidantes. Sabemos que o exercício físico é benéfico para o nosso organismo, porém ele também gera uma grande produção de radicais livres. Esses radicais livres devem ser combatidos, para que a longo prazo não gerem doenças e envelhecimento precoce.
 
Pratique sua atividade física, faça uma alimentação saudável de forma regular e alcance a melhor forma para o seu corpo.
 
Matéria publicada pelo site Eu Atleta

Spread the word. Share this post!

Leave Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *